Olá para os casais – e solteiros também – mais queridos do meu Brasil (e se duvidar do exterior porque vamos alcançar as nações)! As coisas estão bem corridas por aqui e por isso que eu não tenho conseguido parar para poder escrever aqui no blog. Aproveitando essa correria, vou partilhar o que ela pode fazer com o nosso relacionamento quando não nos posicionamos.

Como muitos de vocês sabem, Alex e eu somos missionários e nessa vida de missão precisamos zelar muito pelos nossos momentos a sós e pela atenção que damos um ao outro. Normalmente temos compromisso todos os dias da semana e muitas vezes no fim de semana também. Acordamos cedo e dormimos tarde e isso reflete também em nosso casamento.

Há algumas semanas atrás, por exemplo, por dois dias seguidos eu acabei dormindo sem desejar boa noite para o Alex porque eu estava tão cansada que simplesmente dormia enquanto conversávamos e o deixava falando sozinho. Isso parece algo muito bobo, mas com certeza interfere em nossa relação. Depois de um dia super cheio, sem tempo para nada e sem conversar a noite, algo fica faltando… o diálogo.

Com a graça de Deus, logo de cara percebi que isso não é bom e que também não faz bem para o nosso relacionamento. No terceiro dia, eu também estava cansada, mas entreguei esse cansaço para Jesus como forma de oração. Pedi a Ele que me ajudasse a me manter acordada, pois sei da importância em dar atenção ao meu esposo e do quanto o diálogo faz bem para o nosso casamento. Quando fomos para o quarto, eu disse para o Alex que eu não queria dormir mais uma vez e deixá-lo falando sozinho por conta do cansaço. E conseguimos conversar e partilhar sobre o nosso dia e também sobre os dias anteriores.

Com essa pequena partilha eu quero mostrar pra vocês, que todos nós temos uma rotina, seja ela de trabalho fora ou dentro de casa, de missão, estudos ou qualquer outra coisa; e que muitas vezes essa rotina nos consome. Consome a tal ponto, que acabamos deixando coisas simples, porém importantes de lado, como a atenção para os filhos ou para o cônjuge. Quando percebemos que isso esta de fato acontecendo é necessário fazer um sacrifício pelo nosso relacionamento e família.

No dia em que eu me dei conta que estava deixando o meu esposo de lado por conta do cansaço o meu sacrifício foi fazer o inverso, deixar o sono e cansaço de lado e dar atenção para o Alex. Isso pode parece algo bobo, eu sei, mas o carinho e cuidado estão presentes nos pequenos detalhes. É importante cuidar também das coisas que parecem bobas, pois se não cuidamos do pequeno, jamais conseguiremos cuidar do que parece ser grande.

Ontem eu assisti um filme onde um empresário muito rico, depois de velho procura a sua filha para lhe ajudar financeiramente, mas o que ela queria dele ele não pode dar, era a sua atenção, o seu tempo. Ele não deu isso a ela porque quando poderia preferiu gastar o seu tempo somente com o trabalho, mas no fim, o dinheiro não pode dar os momentos que ele havia perdido. Claro que essa é só uma história, mas uma história que não devemos desejar para nós.

O nosso maior tesouro esta em nossas casas, esse tesouro é a família. Lugar de amor, aconchego e carinho. Normalmente gastamos tempo com coisas que acreditamos que valem a pena. Acredite na sua família, gaste tempo com ela e não deixe de dar a ela o seu máximo. Qual é o seu sacrifício hoje para gastar tempo com a sua família e as pessoas que você ama?

Sagrada família de Nazaré, nossa família vossa é!