FORMAÇÃO

Formação, formação e mais formação!

APRESENTAÇÃO COLUNA FORMAÇÃO

Oi gente, tudo bem? Bom, essa aqui é mais uma coluna do blog da Colo de Deus, a coluna: Formação. Eu sou a responsável por partilhar aqui sobre formação comunitária, formação pessoal, formação vocacional, formação, formação… E mais formação! rs

Bom, vamos lá… Meu nome é Joanna, tenho 30 anos, sou casada com o Charlie há 04 anos e temos um filho lindo chamado Rafael, de 01 ano. Eu e meu esposo somos consagrados perpétuos da Comunidade Colo de Deus, ou seja, temos mais de 05 anos de vida consagrada ao carisma, por graça e misericórdia de Deus.

Minha história com o carisma Colo de Deus começa no Rio de Janeiro (minha terra) no ano de 2006, quando eu fui participar de um retiro onde a comunidade estava ministrando a música. Neste tempo, a comunidade ainda dava os seus primeiros passos, e eu também, porque não conhecia muita coisa da Igreja, de ‘Deus, mesmo já estando há um tempinho na caminhada. Imagina uma pessoa dentro de um chafariz mas com um guarda-chuva aberto, era eu na Igreja; mas sem saber nada dela, e nem de ‘Deus.

Neste retiro eu tive a minha primeira experiência com o Espírito Santo, mas não perseverei e continuei do mesmo jeito que eu era. Mas… Quando ‘Deus quer, quando é o tempo d’Ele, ‘Ele faz de TUDO (sério, DE TUDO!) pra pegar a gente pra ‘Ele, e comigo foi assim…

Após alguns acontecimentos da minha vida, que um dia eu conto aqui, em 2009 eu reencontrei a Colo de Deus e participei do retiro vocacional. Fui sem saber chegar (porque nunca tinha andado de trem e era o meio de transporte que eu precisava pegar, rs), fui sem saber o que era vocação, fui sem saber o que era comunidade… Enfim, eu fui e ponto final! rs

Eu estava vivendo um tempo em que eu sabia que ‘Deus tinha alguma coisa pra mim, e estava com muita sede. Sério, gente! Eu estava com muita sede de uma parada que eu nem mesmo sabia o que era, só sabia que era de ‘Deus, e isso me bastava na época. (Doida!? Quase nada… rs)

Enfim… Fui no retiro, dei o passo e entrei nessa jornada maluca que se chama: Caminho Vocacional. Gente, eu vivi um ano inteiro só querendo ouvir Deus e estar na presença d’Ele, o ano de 2010 foi bom demais pra mim. Como eu estava com sede, aliás, muita sede, eu buscava sempre uma forma de me saciar, sempre ia ver ‘Jesus. Eu sempre queria estar com ‘Jesus.

Muitas pessoas me perguntam como eu fiz pra discernir que meu chamado era ser missionária na comunidade de vida da Colo de Deus. A resposta é simples, gente: ficando com ‘Jesus. No ano do meu discernimento, eu comungava todos os dias, eu adorava ‘Jesus Sacramentado todos os dias, eu rezava o Santo Terço todos os dias, eu lia a Palavra de ‘Deus todos os dias. Durante todo o meu tempo, o meu pensamento era só ‘Jesus. E vou ser bem sincera, eu sinto falta dessa sede que eu tinha.

Não tem receita, ‘Deus fala e só quem tem os ouvidos aguçados conseguem ouvir.

Bom, foi assim… Claro que não foi tão fácil quanto parece agora que já passou e você está lendo, nunca é fácil, mas foi um caminho valioso e deu frutos. Hoje eu tô aqui e tenho uma família: sonhos de ‘Deus.

Aqui nesta coluna, eu vou partilhar com vocês sobre vocação, discernimento vocacional, e afins. Com certeza a gente vai crescer e MUITO juntos.

Comenta, curte e compartilha! Até mais, gente!

Leia tbm:

  • Leonardo Henrique

    com certeza a coluna que mais esperarei atualizações!! PRECISO saber mais sobre vocação, discernimento vocacional! Já estou encontrando uma luz aqui! ‘Deus fala e só quem tem os ouvidos aguçados conseguem ouvir.’ melhor frase da coluna!! #falaDeus

  • Reginaldo da Silva

    É incrível você ler e se identificar com cada palavra, meu inicio de vocacional este ano de 2017 é mais ou menos isso que a Joanna falou que aconteceu com ela, eu cheguei sozinho do Ceará em Curitiba, na busca de entender e atender a vontade de DEUS! Hoje depois de alguns meses estou começando a entender o que este SER de DEUS verdadeiramente!

Scroll Up